quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Balcon de El Calafate


As montanhas rochosas à volta da cidade de El Calafate.
Nesta zona existem grandes fazendas que podem ir até aos duzentos mil hectares e onde no passado a principal actividade era a criação de ovelhas.
O estado chileno concedeu estas grandes propriedades aos imigrantes que chegavam da Europa e se dispunham a vir para estes lados, quando nada existia por aqui, em troca das terras..
Assumiu grande importância durante as Guerras Mundiais quando os países europeus deixaram de se poder preocupar em produzir outra coisa que não fosse com o propósito da guerra.
Assim, chegou a existir cerca de sete milhões de ovelhas em contraste com os dois milhões actualmente, exportavam grande quantidade de lã (as roupas eram todas de lã, ainda não tinham inventado a fibra), e a própria carne.
Caiu em ruína quando acabaram as guerras e com a abertura do Canal do Panamá. A partir de então os barcos para atravessarem do Atlântico para o Pacífico deixaram de ter de vir até ao estreito de Magalhães como até então.

Sem comentários: