quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Equilíbrio


Com grandes sacos à cabeça, abanam-se todas para andar apressadamente, mas a cabeça não mexe. Parece que têm um amortecedor no pescoço e que todas os movimentos do corpo acabam ali.

2 comentários:

lau_tiago disse...

Que fixe ... a minha avó também era equilibrista ... quando ia buscar uma bilha de agua á fonte na aldeia onde vivia, chegava sempre a casa com a bilha e a agua intacta ... e cuidado que a bilha era de barro ...

lau_tiago disse...

A avó era a do Tiago, a nossa não fazia destas proezas, pelo menos, que eu me lembre, não sei se te lembras tu,como és mais velhinho... beijocas Lau